Minimalismo

Minimalismo

O que é? E porque pode auxiliar na sua busca por saúde mental?

Sempre procuro orientar os pacientes que a busca por saúde mental não necessariamente está em fórmulas mirabolantes, em pílulas mágicas e sim um processo multidisciplinar e na maioria das vezes com muitas coisas ao nosso alcance.

O minimalismo foi um conceito iniciado no mundo das artes na década de 60 e posteriormente pelo design e arquitetura, o minimalismo representava o essencial, o “clean”, a luminosidade. Já nos conceitos da filosofia Zen, o minimalismo também representa a qualidade interior, a quietude, a essência e a simplicidade .

Se minimalismo é sobre aprender a viver com o essencial e se livrar do excesso, por que não aplicar isso em nossa saúde mental?

Vivemos na sociedade do ter, onde deveríamos ser, possuímos mais roupas que Reis da Europa do século xv , temos acesso a infinitas coisas enviadas para nossa casa à um clique de nós.

Pela primeira vez na história da humanidade evitar informações, conteúdos, refeições, relações ou convites jogue a favor do nosso bem-estar mental.

Hoje já se utiliza o termo para um estilo de vida minimalista.

E o que seria viver de forma minimalista?

Mudando de um padrão de acúmulo para de uma vida mais simples, somente com o essencial. Alguns benefícios desse estilo de vida:

Mente mais leve

Quando prioriza somente o essencial na vida, livrando-se dos excessos, a mente fica menos sobrecarregada. Você passa a ter menos preocupações (ex: dívidas, desejos, ambições, cobranças), menos insegurança e menos insatisfações/frustrações. Com a mente mais leve, o foco e a criatividade voltam a aumentar e você passa a ser mais efetivo e produtivo.

Você passa a ter mais paciência, compaixão e empatia.

O estresse, ansiedade e a tristeza também diminuem e consequentemente a sua saude mental melhora.

Auto-conhecimento e melhora na qualidade da alimentação

Evitando os excessos, acalmando a mente e com mais tempo livre, você passa a se conhecer melhor. Você descobre o que realmente é essencial para a sua vida. Começa então a dar mais valor ao que realmente importa e não mais o que lhe é imposto. Evitando excessos, a qualidade da nossa alimentação melhora muito.

Liberdade, tempo e qualidade de vida.

A liberdade de não ter que comprar o último lançamento da moda ou o carro do ano. A liberdade poder escolher o que realmente é essencial para cada um. A liberdade de decidir sobre o que ser e o que viver.

As experiências passam a ter mais valor que os objetos. As viagens terão mais importância A qualidade ao invés da quantidade. As amizades verdadeiras em troca de milhares de seguidores. As conversas serão mais atrativas que as mensagens. A importância de conviver a sua família retornará.

Com menos preocupações, trabalho e necessidade de compras, o seu tempo livre para outras atividades aumenta. Você terá mais tempo para lazer, descanso, atividades físicas, hobbies e para novos aprendizados. A sensação de liberdade aumenta e a qualidade de vida e bem estar melhoram.

A soma de todos estes fatores contribuem para a melhora da qualidade de vida. A principio pode parecer difícil, porém não é impossível. O importante é iniciar a mudança de pensamento e introduzi-lo pouco a pouco no dia a dia.

Fonte:

https://www.wales247.co.uk/why-minimalism-is-better-for-your-mental-health

Joshua Fields Millburn, Ryan Nicodemus. Minimalism: Live a Meaningful Life

Cal Newport. Digital Minimalism: Choosing a Focused Life in a Noisy World

Katelyn Gorby, Tyler Junior College. Health Benefits of Minimalism. Stephen F. Austin State University, Nacogdoches, Texas. 18/02/2017.

Sugestões de filmes sobre Minimalismo:

Minimalism: A documentary about the important things : https://www.netflix.com/title/80114460?s=i&trkid=13747225&t=wha

Minimalismo já: https://www.netflix.com/title/81074662?s=i&trkid=13747225&t=wha






7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo